Blog

Não abrimos mão dos direitos trabalhistas

03/06/2016

 Os trabalhadores brasileiros precisam redobrar a atenção para o momento atual pelo qual o país passa. A caça aos direitos trabalhistas já começou e algumas de nossas conquistas podem estar com os dias contados. 

 O presidente interino, Michel Temer (PMDB), se baseou no documento “Uma ponte para o futuro” - proposta elaborada pela Fundação Ulysses Guimarães, ligada ao seu partido - que pretende retomar o crescimento socioeconômico do país, mas pode significar a perda de direitos trabalhistas.

 

 Não tenhamos dúvida, governo algum – eleito ou não – defende os interesses dos trabalhadores, mas está trabalhando em favor das forças produtivas. Por isso, precisamos redobrar a atenção, uma vez que a gana do capital em obter lucros excessivos diminui os ganhos dos verdadeiros produtores de riqueza.

 

 É importante entender a lógica que domina nosso país. De um lado temos os políticos profissionais que só querem se manter no poder para se servirem dos benéficos da máquina estatal; do outro lado temos as forças produtivas que emprestam dinheiro para as campanhas milionárias dos políticos, cobrando a conta mais tarde por meio da corrupção dos contratos entre eles e os governos; por fim, temos o povo que, de forma difusa, é enganado eleição após eleição com promessas de melhores condições de saúde, educação e segurança.

 

 Agora o brasileiro precisa estar cada vez mais atento. As decisões tomadas pelo atual governo podem impactar diretamente a vida dos cidadãos. É preciso garantir os empregos e diminuir a taxa de juros, e assim permitir que os empresários invistam no país e gerem mais empregos. O Sindi-Asseio e a União Geral dos Trabalhadores (UGT) defendem os interesses dos trabalhadores que já enfrentam dificuldades para conseguir manter uma vida digna e honesta, enquanto pagam verdadeiras fortunas em impostos. E não vamos aceitar que os nossos direitos trabalhistas sejam alterados por governo algum.

 

 Em nossa esfera de atuação sindical sempre buscamos lutar incansavelmente. O desafio é gigantesco, mas vamos seguir em nossa trajetória que defende o trabalhador. Esse é o nosso partido e defendemos incansavelmente a manutenção dos direitos trabalhistas.

Por Leonardo Vitor Siqueira Cardoso Vale 

Editorial jornal "Tá Limpo"de junho

 

 

VOLTAR

Endereço

Betim

Rua São Vicente, 18, Centro,
Betim - MG - CEP: 32600-070

Contagem

Rua Jequitibás, 393, Eldorado,
Contagem - MG - CEP: 32310-390

Contatos

Betim: (31) 3531.2367

Contagem: (31) 2565-9703 | 2564-4860